11.8.10

Caderno para escrever poesias

O sortudo que ganhou este caderno deve estar feliz da vida. Ele faz poesias e agora vai poder escrevê-las num caderninho feito só pra ele.


Ele tem páginas em papel off set 90 g/m² e algumas páginas de scrap por dentro. A capa é preta, com box, ilhoses e couro dando charme.
Um elástico branco finaliza o conjunto, guardando as belas palavras com muito amor.
Amor ao papel

4 comentários:

  1. um presente que por si, já é poesia.
    (:

    ResponderExcluir
  2. Lindo, não?
    E poético, inspirador...Ai, ai...
    Bjos

    ResponderExcluir
  3. Lindo mesmo,
    este "pretinho básico"!
    Loooosho em forma de caderno!

    ResponderExcluir
  4. "Básico" e super elegante. Adoramos!!!
    E soubemos que o dono já usou metade das páginas! Rapaz inspirado!
    Bjos

    ResponderExcluir